Thursday, September 25, 2008

Futebolista brasileiro torturado até à morte por acabar com namorada!

“Thiago Jotta da Silva, formado nas categorias de base do Vasco e que estava atuando na Segunda Divisão do Rio, pelo Estácio de Sá, morreu no Hospital Salgado Filho nesta quarta-feira. Ele foi baleado na madruga da última sexta-feira, no Engenho da Rainha, subúrbio carioca. O principal suspeito da execução do crime é o policial militar Alexsander Freitas da Silva, padastro de Aline Pádula, ex-noiva de Thiago.

No hospital, Thiago prestou depoimento e apontou sua ex-noiva e a madrinha dela, Márcia Pádula Viana, de serem as mandantes do seqüestro, já que atraíram o jogador até o local do crime. Ambas estão presas temporariamente desde domingo. O policial está detido administrativamente por 72 horas.

O jogador contou que foi levado algemado para um campo de futebol, onde também foi torturado por Alexsander e outras pessoas que estavam no local. O delegado Pablo Sartori, titular da 44ª DP, suspeita da participação de mais um policial neste crime.

No começo da semana, Thiago Jotta teve uma perna amputada, mas não resistiu a uma infecção. Ainda não há informações sobre o enterro do jogador.” In http://www.lancenet.com.br/

Aos 23 anos, o jovem central perdeu a vida desta forma trágica e cruel. Triste e lamentável.

5 comments :

Vinicius Grissi said...

Uma história realmente muito lamentável. Cada coisa que acontece por aqui...

Filipe Araújo said...

...

Abrazo!

http://gambetas.blogspot.com

Arthur Virgílio said...

Se a moda pega...
As marias chuteiras serão condenadas.

Juan said...

Sem palabras.

Um saúdo.
http://marcador-deportivo.blogspot.com/

Saulo Milleri Biral said...

Primeiramente, muito legal o seu blog.
Sobre o jogador. Foi lamentável o que aconteceu.
Valeu e até mais.