Friday, August 22, 2008

Vergonhoso e lamentável ao máximo!

No dia a seguir a Nelson Évora se ter segrado campeão olímpico, o Record decide fazer grande manchete com uma entrevista a Reyes... Acho que não vale a pena escrever sobre esta atitude que só se explica pelo facto do auto-denominado maior clube do mundo ter mais adeptos em Portugal... Mas até podiam ter optado por referir que Évora é do Benfica e dado o destaque merecido ao grande campeão. Mas não é nada que eu não esperasse já. O ano passado quando foi campeão mundial, o Record e o Jogo optaram por destacar a chegada de Edcarlos também para o "glorioso", esse grande jogador...perito em deixar os avançados contrários marcarem... Vejam e tirem as vossas ilações. Parabéns à Bola porque foi o único que das duas vezes destacou o feito de Évora.











8 comments :

leão rampante said...

De facto vergonhoso o Jornal Record - jornal desportivo que por acaso até opto por comprar diariamente - preferir dar destaque a uma entrevista de um jogador do SL Benfica do que a um atleta que ficou na história do desporto português sendo o 4º português a ganhar o ouro nos JO.
Como se não bastasse, lá dão algum destaque a Nelson Évora na contracapa do jornal mas preferindo rotulá-lo como atleta do Benfica e não como atleta de PORTUGAL ! Enfim...

http://leaorampante.blogspot.com

Abraços

Fora de jogo said...

Um post absolutamente excelente. Assim se vê o que interessa para alguma comunicação social em Portugal. É vergonhoso, mas é o que temos.

Diogo Sousa said...

Muito bem, grande memória ou grande arquivo! ;)

Eduardo Alves said...

Subliminar observação vinda de um excelente profissional da área e amante do desporto, como é o Ricardo Cordeiro. É, em todos os aspectos, INQUALIFICÁVEL, a atitude deste tipo de “comunicação social”. Mas tal como o meu amigo, estes são dias, são momentos históricos. Para o Nelson e para todos os portugueses, momentos excelentes; já para o dito pasquim, um retrato da sua substância e densidade que deve constar das suas memórias.
Apenas um “aparte”. Mas porque é que a malta sportinguista e todos os restantes “anti-benfiquistas” não aceitam de uma vez por todas que o Glorioso é o MAIOR CLUBE DO MUNDO. “Auto-denominado”, o quê...

Pedro Magalhães said...

Pelo menos o Jogo, hoje, fez grande capa com o Nélson.

O Record em ambas as edições não o destacou! É realmente vergonhoso...

Cumps ;)

Anonymous said...

já esperava esta capa do record, quando a vanessa conquistou a prata foi a mesma coisa. basicamente mostraram porque são o pior jornal desportivo português. parabéns ao jogo, fiquei surpreendido. qt à bola, esperava a primeira toda para a conquista do Nélson, mas pronto, não foi mau.

Francisco Carvalho

Marcel Jabbour said...

Olá amigos portugueses. Como brasileiro, fica complicado dar pitaco na imprensa do outro lado do Atlântico. De qualquer forma, ressalto que aqui o problema também existe, garanto-lhes.

Meu destaque vai para a análise sobre o Edcarlos. Sinceramente não sei como certos jogadores conseguem se tranferir para clubes tão importantes. Edcarlos sempre foi ruim, nunca teve a confiança da torcida do São Paulo e nem sequer chegou a jogar como titular por muitos jogos em seqüência. Só me resta acreditar que o empresários dele é muito competente.

Grande abraços!

diletra.blogspot.com

Anonymous said...

És pouco anti-benifiquista, és...
=)

RR