Thursday, July 30, 2009

Espero que tenha sido o último…

É um facto que João Moutinho é um excelente jogador e que não vira a cara à luta em nenhuma circunstância. Agora, daí até ser o atleta ideal para marcar as grandes penalidades do Sporting vai uma grande distância. Ontem contra o Twente, o jovem capitão leonino coleccionou mais um penalty falhado à longa lista que vem de anos anteriores. Mesmo nos que conseguiu marcar, só por muito pouco os guarda-redes contrários não conseguiram defender, adivinhando sempre o lado para que a bola ia. É que marca sempre da mesma forma e sem grande convicção. Se o chileno Matías Fernández chega com “rótulo” de especialista de bolas paradas deve passar a ser ele o escolhido para a marcação dos castigos máximos, relegando os estatutos de quem já cá está há mais tempo para segundo plano em prol do benefício da equipa.

PS: A “justiça” no futebol português continua a ser uma anedota. Sem colocar em causa se o castigo é ou não correcto como é que se explica que só passado quase nove meses é que o Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) tenha punido Paulo Bento com um mês de suspensão - o que implica ausência nas duas primeiras jornadas da Liga - na sequência de declarações proferidas por causa da arbitragem de Bruno Paixão, após o jogo da quarta eliminatória da Taça de Portugal com o FC Porto?

2 comments :

Saulo said...

Isso acontece.

AF STURT said...

Blog com opiniões sobre o mengão.
Visite é siga nós:

http://confionomengao.blogspot.com/