Monday, June 07, 2010

Anti-vuvuzela

Sinceramente, por mais que me esforce, não consigo perceber a histeria que se gerou em torno das vuvuzelas. Considero até o “grunhido” emitido bastante irritante e que dificilmente poderá servir de incentivo para os atletas. Acho que muito boa gente partilhará da minha opinião de que uma marca de combustíveis teria feito uma grande serviço ao país caso não tivesse tido a triste ideia de as “importar” em “dose industrial” para o nosso país.

De resto, já se chegou à conclusão de que se for soprada muito perto de um ouvido, a corneta - que terá tido origem no chifre de kudu (um antílope) que antigamente era usado na África do Sul para chamar os habitantes das aldeias para as reuniões - pode provocar danos graves nos ouvidos. A única consolação é de que não vou estar por perto desta vuvuzela gigante que foi colocada numa ponte na Cidade do Cabo quando for soprada no dia
da abertura do Mundial.

6 comments :

Guilherme Cunha said...

é a marca do pais, e o jeito será se adaptar ás vuvuzelas!! :X

Luciano said...

UHAuAHuA...não tinha visto essa vuvuzela gigante.

realmente não sei como o som delas serviria de incentivo aos jogadores, mas fazer o que é, o jeito é embarcar na moda.

Abraço !

Anonymous said...

P... que pariu as vuvuzelas. ..da-se

Anonymous said...

Parecem abelhinhas vuvuzelas quando se vê os jogos na tv os estádios são autenticas colmeias..

Rui said...

Alisto-me nesse movimento. O som é feio, prejudica a comunicação em campo e até abafa apoiantes de países que levam instrumentos e coreografias bem mais interessantes.

Se gostam de a soprar vejam a sua verdadeira origem:
Verdadeira origem da vuvuzela

Anonymous said...

A Galp é a culpada pela introdução deste pesadelo em Portugal o resultado é que hoje os brazucas não param de fazer barulho em continuo desde as 12h quando o jogo é ao final da tarde.
Resultado em vez de apoiar o Brasil vou torcer por todos que joguem contra.
Um apelo deixem de abastecer na Galp não só por causa dos preços como também pela distribuição de vuvuzelas